Angela Natel On domingo, 9 de junho de 2013 At 07:34
Seu coração pode ouvir minha voz
Como ela soa para você?

Algumas vezes minha voz é calma e gentil
Como o vento soprando por entre as árvores.
Chegue mais perto... você pode ouvir?

Algumas vezes é estrondosa e forte
Como o trovão numa noite tempestuosa.
Não tenha medo
Eu sou apenas grande.

Eu falo de muitas maneiras diferentes
Então você pode me ouvir da maneira que melhor for para você.


“Deus realmente fala, algumas vezes de uma maneira, algumas vezes de outra, mesmo quando você não estiver ouvindo.” (Jó 33:14)


0 comentários:

Liberdade de Expressão


É importante esclarecer que este BLOG, em plena vigência do Estado Democrático de Direito, exercita-se das prerrogativas constantes dos incisos IV e IX, do artigo 5º, da Constituição Federal. Relembrando os referidos textos constitucionais, verifica-se:
“é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato" (inciso IV) e "é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença"(inciso IX). Além disso, cabe salientar que a proteção legal de nosso trabalho também se constata na análise mais acurada do inciso VI, do mesmo artigo em comento, quando sentencia que "é inviolável a liberdade de consciência e de crença". Tendo sido explicitada, faz-se necessário, ainda, esclarecer que as menções, aferições, ou até mesmo as aparentes críticas que, porventura, se façam a respeito de doutrinas das mais diversas crenças, situam-se e estão adstritas tão somente ao campo da"argumentação", ou seja, são abordagens que se limitam puramente às questões teológicas e doutrinárias. Assim sendo, não há que se falar em difamação, crime contra a honra de quem quer que seja, ressaltando-se, inclusive, que tais discussões não estão voltadas para a pessoa, mas para idéias e doutrinas.