Angela Natel On quarta-feira, 13 de julho de 2011 At 06:26


A Bíblia protestante ou evangélica é constituída por 66 livros, 39 dos quais formam o Antigo Testamento e 27 o Novo Testamento. Já a Bíblia católica possui, além desses 66 livros, outros sete livros completos (Tobias, Judite, I Macabeus, II Macabeus, Baruque, Sabedoria e Eclesiástico) e alguns acréscimos ao texto dos livros de Ester (10:4 a 11:1 ou a 16:24) e Daniel (3:24-90; caps. 13 e 14).
  1. Tobias: narra a vida de Tobias, que era filho de um pai cego.
  2. Judite: é uma narrativa histórica dos judeus libertados do poder de Holofernes, general da Pérsia, devido à coragem de um heroína chamada Judite. Apareceu por volta do II século aC.
  3. Sabedoria: mostra através de provérbios a sabedoria verdadeira e a reta da gentílica ou iníqua e idólatra. Apareceu entre 50 a 10 aC.
  4. Eclesiástico: também chamado de Sabedoria de Jesus, filho de Siraque, semelhante ao livro de Provérbios. Apareceu em torno de 180 aC.
  5. Baruque: dividida em três partes: confissão e arrependimento; exortativo e promessa de livramento. Apareceu no II século aC.
  6. I e II Macabeus: narra a revolta dos Macabeus pelo império romano em 167 aC.
  7. Acréscimos aos livros de Daniel e Ester.
Esses livros e textos adicionais são chamados de deuterocanônicos, pelos católicos, e de apócrifos, pelos protestantes. Os apócrifos (ou deuterocanônicos) foram produzidos, em sua maioria, durante os dois últimos séculos a.C. Embora não fizessem parte da Bíblia hebraica, eles foram incorporados à tradução da Bíblia ao latim (Vulgata Latina), que preservou e popularizou esses acréscimos durante a Idade Média.

Os protestantes reconhecem o valor histórico dos apócrifos, mas não os consideram como canônicos ou inspirados. Esta posição deriva do fato de tais escritos não fazerem parte do cânon hebraico do Antigo Testamento e apresentarem ensinamentos contrários ao restante das Escrituras.

Entre esses ensinamentos encontram-se heresias como:

Tobias 05:01-14 – Narração de anjos mentindo. Contrastar com Isaías 68:08/ Oséias 04:02/
Mateus 22:30/João 8:44.
Tobias 02:09-10 e 06:05-08 e 11:07-16 – Ensino de magia e superstição. Deus não ensina isso.
Contrastar com Tiago 05:14-16.
Tobias 06:05-08 – Queimar fígado de peixe expulsa demônios. Só o Nome de Jesus expulsa demônios:
Contrastar com Marcos 9:17-29/16:17/Atos 16:18.
Tobias 12:08,09;
Eclesiástico 3:30 e I Macabeus 03:30 – Dar esmolas expia o pecado. Só o Sangue de Jesus purifica os pecados. Contrastar com I Pedro 01:18-19/I João 1:7-9/Apocalipse 22:14.
I Macabeus 01:15-16 – Relato de assassinato no Templo e ainda esquartejaram o corpo, coisa proibida por Deus:
Contrastar com Levítico 19:28 e 20:03/Números 19:10.I Macabeus 06:16, II Macabeus 01:16 e 09:28 -Antíoco morre de três maneiras. Cada pessoa morre uma só vez: Contrastar com Isaías 63:08/ Mateus 05:34. Pessoas sem Jesus, morrerão a segunda vez, mas somente depois do juízo (Apocalipse 21;08). Mas essa morte não é o fim, é somente simbólica, a pessoa permanecerá viva em meio aos sofrimentos (Mateus 25:41).
II Macabeus 02:24-31 – O escritor assume que encontra dificuldades para resumir o texto.
II Macabeus 03:01-02 – Diz que eles respeitavam os mandamentos de Deus, diz que isso era devido a santidade do sumo sacerdote, e ainda diz que respeitavam o templo, mas eles desrespeitaram 03 mandamentos de Deus, e no capítulo 04:43, de novo profanaram o templo (ver também Mateus 23:35).

II Macabeus 12:42-46 - orações pelos mortos - contrariando a ordem de Deus, como está escrito em Deuteronômio 07:25/Jeremias 19:04/Eclesiastes 09:05-06 e II Samuel 12:23 que diz: “Porém, agora que é morta, por que jejuaria eu? Poderei eu fazê-la voltar? Eu irei a ela, porém ela não voltará para mim.”
II Macabeus 14:37 diz que Razias era pai dos judeus, enquanto a Bíblia diz que Abraão é o pai dos judeus: Gênesis 17:04/Atos 13:26/ Romanos 04:01-17.
II Macabeus 14:41-46 – O suicídio é justificado e louvado. Verificar Êxodo 20:13.

E por fim , o próprio escritor assume que o livro não serve para nada:
II Macabeus 15:38 “Se ficou boa e agradável, era o que eu queria, mas se ficou fraca e mediocre, é o que fui capaz de fazer.”
Eclesiástico 03:03 – Honrar pai e mãe traz perdão dos pecados. Só o Sangue de Jesus pode purificar os pecados: I Pedro 01:18-19 e Apocalipse 22:14.
Eclesiástico 12:04-06 – Negar pão aos ímpios. Contrastar com Provérbios 25:21-22
Judite 01:01 – Nabucodonozor, rei da Babilônia em Ninive? Ver Daniel 01:01.
Judite 09:02 – Deus “dá” a espada para Simeão matar os siquemitas. Verificar Gênesis 34:30 e 49:05-07
Sabedoria 3:1-9 - existência do purgatório, criadas no século XV - contrastar com Salmo 6:5; Eclesiastes 9:5, 10

Assim, a Igreja Protestante rejeita a inspiração e a canonicidade dos escritos apócrifos (ou deuterocanônicos).

0 comentários:

Liberdade de Expressão


É importante esclarecer que este BLOG, em plena vigência do Estado Democrático de Direito, exercita-se das prerrogativas constantes dos incisos IV e IX, do artigo 5º, da Constituição Federal. Relembrando os referidos textos constitucionais, verifica-se:
“é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato" (inciso IV) e "é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença"(inciso IX). Além disso, cabe salientar que a proteção legal de nosso trabalho também se constata na análise mais acurada do inciso VI, do mesmo artigo em comento, quando sentencia que "é inviolável a liberdade de consciência e de crença". Tendo sido explicitada, faz-se necessário, ainda, esclarecer que as menções, aferições, ou até mesmo as aparentes críticas que, porventura, se façam a respeito de doutrinas das mais diversas crenças, situam-se e estão adstritas tão somente ao campo da"argumentação", ou seja, são abordagens que se limitam puramente às questões teológicas e doutrinárias. Assim sendo, não há que se falar em difamação, crime contra a honra de quem quer que seja, ressaltando-se, inclusive, que tais discussões não estão voltadas para a pessoa, mas para idéias e doutrinas.